Ao seu encontro - Abbi Glines.




Livro: Ao Seu Encontro - Rosemary Beach # 11
Autora: Abbi Glines
ISBN-13: 9788580416541
ISBN-10: 858041654X
Ano: 2017 / Páginas: 224
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
Nota: 


Cá estamos nós, falando mais uma vez sobra a melhor autora dessa vida, em uma de suas melhores séries.


Ao seu encontro, 11º volume da série Rosemary Beach, apresenta o desfecho da história de Mase e Reese.

Lembra quando eu disse, na resenha de À sua espera (leia aqui), que na última página houve um acontecimento que não me agradou muito, pois o livro poderia ter terminado algumas palavras antes? Pois então, estava certa.

Não senti necessidade de um segundo livro dessa história. A narrativa, como sempre é muito boa e prende o leitor, entretanto, o livro deixou a desejar.

Vamos falar um pouco dele para que depois eu possa fazer mais considerações a respeito.

Bem, no primeiro livro, Reese vê sua vida melhorar quando encontra Mase. Ele a ajudará a superar o passado, apresentando-lhe o amor, que tanto lhe foi negado.

Nas últimas cenas daquele livro, Reese recebe a visita de uma pessoa de seu passado, que virá para ajudá-la, esclarecendo e apresentando um novo mundo, que até então não sabia que pertencia a ela.

Essa parte não foi tão trabalhada quanto pensei que seria. Esperava um aprofundamento maior dessa nova relação, mas o foco do livro não foi esse.

Reese viaja e fica fora por um tempo para resolver essa situação. e quando volta para o Texas para reencontrar Mase, se depara com a prima do rapaz, e, logo de cara, percebe que as intenções da loira não são puras.

Falando em terceiros intrometidos na relação, Capitão chega a cidade para pilhar Mase, deixando-o louco de ciúmes.

Em se tratando de Capitão, eu realmente fiquei decepcionada. Na sinopse esperava altas cenas de ciúmes e uma balançada na personagem, como em todos os outros livros que envolvem um triângulo, e adivinha? Fiquei só na expectativa mesmo. Não vou dizer como essa relação se desenvolve, por motivos de spoiler, mas, vocês vão entender minha frustração quando lerem.

River, vulgo Capitão, é quem ajudará Reese quando ela passa um grande aperto,  e alguns momentos depois dessa cena, descobrimos uma parte da vida dele que está querendo encerrar, e tem muito a ver com o pai de Reese. Tudo será esclarecido no próximo livro da série, que contará a história do rapaz.

Quanto a relação do casal protagonista, vemos Reese amadurecer e ir atrás de seus sonhos neste livro. Mase e ela estão cada dia mais apaixonados, e sedentos um do outro, protagonizando cenas quentes que não deixam nada a desejar.

Os dois vão passar por cima de gente querendo atrapalhar o relacionamento, das inseguranças de Reese e do péssimo timing de Mase.

Já Mase, protagoniza algumas cenas bem possessivas com relação à Reese, falando de suas roupas e das pessoas que a rondam, e eu já disse aqui que não gosto de ver esse tipo de reação repassada ao leitor como se fosse uma coisa boa.

Precisa falar da melhor parte desse livro. Não estou conseguindo lidar com o Kiro e a Emily. Pra quem não sabe, ele é pai de Mase, e um astro do rock fodão, que tem o amor de sua vida em uma situação muito complicada.

A arqueiro disponibilizou em e-book gratuito (yeah!!!) a história desses dois, e eu estou tremendamente arrependida de ainda não ter lido. Quase não consegui segurar as minhas lágrimas nas cenas em que se falava deles.

Sério, essa é a melhor parte do livro! Os diálogos construídos nas cenas em que Kiro aparece são de cortar o coração. Nesse ponta a autora acertou em cheio, nos passando cada gota do sofrimento e da sensação de perda pela qual o astro do rock passa.

De uma maneira geral, o livro é bom. Em se tratando de Abbi Glines, iria gostar até da bula de um remédio se ela escrevesse, mas a sensação de incompletude que tive no primeiro livro foi fichinha perto desse. E para piorar, não tem continuação não. É uma duologia mesmo.

Fiquei com a sensação de falta. Faltou uma certa profundidade. Tiveram vários momentos no livro, com várias situações diferentes, porém seria melhor se houvesse sido poucos, mas bem trabalhado.

Enfim, estamos caminhando para os momentos finais da série, mas ainda teremos alguns bons momentos para acalentar nossos corações.

O próximo livro ainda não foi lançado aqui no Brasil, mas será distribuído pela editora Arqueiro, então aguardem as novidades que virão por aqui.

Espero que gostem.

Carol.

Depois daquela montanha - Charles Martin

Livro: Depois Daquela Montanha
Autor: Charles Martin
ISBN-13: 9788580416190
ISBN-10: 8580416191
Ano: 2016 / Páginas: 304
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
Nota: 

Antes de começar a falar sobre este livro, preciso que vocês entendam como foi complicado lê-lo.

Ele chegou aqui em casa e ficou na espera para ser lido, e quando peguei pra ler, infelizmente aconteceu aquele desastre com o avião da Chapecoense. Moral da história: ele ficou mais um tempo aguardando, até meu psicológico se restabelecer.

Se você não ouviu falar sobre este livro, ele  a história do Dr. Ben Payne e da jornalista Ashley. Eles se conheceram no aeroporto e, por coincidência ou não, acabam dividindo um avião fretado, visto que seus voos foram cancelados.

Pouco depois de decolar, o piloto sofre um ataque cardíaco, e Ben acorda no meio da neve, desorientado e apenas com flashes do que tinha acontecido .

A partir daí, nós nos deparamos com um tipo de aventura que dispenso conhecer.

Extremamente bem escrito, Depois daquela montanha conta o drama de um médico apaixonado e uma jornalista que está às vésperas do casamento, mas tem seus planos interrompidos e acabam isolados a 3000 metros de altura, no meio do nada, e com neve até onde os olhos alcançam.

O autor conseguiu passar as angústias, dores e reflexões dos personagens de maneira muito real.

Por vezes me peguei sem fôlego, pensando se eles conseguiriam ou não sair de lá. Por mais vezes ainda, pensei se conseguiria fazer 1% do que Ben fez.

Para sorte de Ashley, Ben sabe fazer de um tudo. Tudo mesmo. Cuida de seus ferimentos, procura alimento, abrigo, e ainda arruma tempo para gravar mensagens para a esposa.

Já Ashley, está imobilizada e não pode fazer nada além de cuidar da sanidade de Ben, dando lhe suporte para continuar e repensar em seu futuro com a esposa.

Falando nela, percebemos durante  reflexões de Ben e de suas conversas com Ash, que algo entre o médico e sua mulher não vai bem, e no final, descobrimos o segredo que os cercam.

Eu preciso que vocês entendam a carga emocional que esse livro transmite.

Não é um romance apenas. É uma trama complexa, dramática e carregada de emoções tão fortes, que nos atinge aqui no mundo real.

É um livro que fala de amor, perdão, cura e superação, nos fazendo olhar para dentro de nós mesmos e aceitar aquilo que não podemos mudar, nos faz refletir sobre o que importa de verdade e como somos fortes, mesmo quando achamos que não vamos mais conseguir.

Há quem diga que a narrativa pode ser monótona, mas como se esperar um livro acelerado quando os personagens sofreram um acidente, estão machucados, perdidos a milhares de metros de altura no meio do nada e com um frio de congelar o pensamento? Não precisa ser um adivinha pra ver que a leitura é mais massante por causa disso, mas não desistam!

Por ironia do destino, ainda enquanto estava o lendo, teve mais um acidente com avião. Aquele do Ministro Teori, sabe?

Lá fui eu de novo dar uma pausa, porque não tava fácil ler sobre um caso parecido. Talvez por causa desses fatos, a dramaticidade deste livro me atingiu tanto.

Não cheguei a chorar, como faço com quase todos os livros que leio. Ele me fez imergir  cenários elaborados pelo autor, e me fez pensar junto com as reflexões de Ben.

Enfim, acho  que mesmo escrevendo um texto enorme sobre este livro, não vou conseguir explicar direito como adorei lê-lo.

Agora em 2017 sai o filme da obra, estreado pela Kate Winslet e pelo Idris Elba e já estou preparando os lencinhos, pois acredito que vai ser difícil não chorar.

Esse vai levar o selo LeL de aprovação e indicação. 

Sério, leiam ele real!

A leitura pode até não ser fácil, mas valerá muito a pena.

Mais um livro lido e resenhado em parceria com a Editora Arqueiro.

Espero que gostem.

Carol.

O medo mais profundo - Harlan Coben


Livro: O Medo Mais Profundo - Myron Bolitar # 7
Autor: Harlan Coben
ISBN-13: 9788580416145
ISBN-10: 8580416140
Ano: 2016 / Páginas: 272
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
Nota: 
Em o medo mais profundo, embarcamos em mais uma das aventuras de Myron Bolitar. Desta vez, é a vida de um jovem garoto que está em perigo e só ele pode salvá-lo.

Quanta coragem é necessária para ir atrás de um serial killer, que testa os parentes de suas vítimas, perguntando-lhes "qual o medo mais profundo" deles? Quais as chances de achá-lo? Como convencer um procurado pela polícia à ir até um hospital para fazer uma doação de medula?

Primeiramente, é necessário descobrir o nome e localização deste doador, que por sinal, será a tarefa mais fácil de sua caminhada. Com o nome em mãos, Myron começa a investigar mais sobre o doador, e acaba se vendo no meio de uma investigação de homicídio em série ocorrida anos atrás.

Não bastasse se deparar com um assassino em série, ele cruza o caminho de uma família milionária que está disposta a acabar com qualquer um que chegue perto de descobrir os segredos de sua família.

O lado aventureiro de Myron jamais o permitiria parar, ainda mais neste caso em que sua vida pessoal está extremamente relacionada. 

Foi Emily, uma ex namorada do passado que o procurou. Ela traiu o noivo na noite do casamento com Myron, e por causa disso, Myron viu sua carreira promissora no basquete ser interrompida por um "acidente" durante uma partida.

Não vou contar a relação destes três personagens, porque tudo se esclarece bem no comecinho da história, então vocês nem vão sofrer com a espera de descobrir o que acontece.

Como todo livro de Harlan,  esta obra é cheia de personagens que se entrelaçam e escondem alguma coisa. Os diálogos sempre bem escritos e as cenas detalhadas são uma característica sempre presente em todos os livros do autor.

Os dramas e mistérios da história acabam prendendo o leitor do início ao fim, brincando com o nosso psicológico e nos deixando sem ar em muitas cenas do livro.

Esse ar de mistério se arrasta até o fim. Eu não tô brincando. Quem já leu algum livro do tio Harlan sabe o que eu quero dizer quando falo que o cara é o mestre das reviravoltas, mas ele se superou neste livro. A trama é realmente muito entrelaçada. Myron faz inúmeras deduções, que quase nunca são ditas ao leitor antes de o personagem falar. Ficava tipo: "como não percebi isso", e, "porque esse cara não falou isso em voz alta antes?". É devido a essas sacadas que me sinto bem lerda quando leio os livros dele rsrsrs. Mas não se enganem, no fim tudo, absolutamente tudo, se encaixa, e você fica com uma vontade louca de ler o próximo livro dele pra ver se descobre o que vai acontecer antes de acontecer.

 Voltando a falar de sua escrita, como todo livro de Coben, esta é uma obra cheia de personagens distintos, com sua história em particular, mas que acabam se encontrando e se entrelaçando com o passar do tempo.

Eu nunca tinha lido nenhum livro da série do Bolitar, mas acabei descobrindo que tenho alguns livros da série na estante pra ler. Como são livros independentes, não tem problema nenhum em lê-los separados igual eu farei.

Se os outros tiverem essa mesma pegada de investigação e segredos, é certeza que gostarei. Aliás, é impossível  não gostar de tudo que Harlan lance.

Falando nele, agora em fevereiro a editora arqueiro lança A Promessa, mais uma aventura do nosso amigo Myron.

Eu que não sou boba nem nada, já garanti o meu.

Livro lido e Resenha do em parceria com a editora arqueiro.
Espero que gostem.

Carol