O que há de estranho em mim - Gayle Forman

Livro: O Que Há de Estranho em MimAutora: Gayle FormanISBN-13: 9788580414806

Sinopse: Ao internar a filha numa clínica, o pai de Brit acredita que está ajudando a menina, mas a verdade é que o lugar só lhe faz mal. Aos 16 anos, ela se vê diante de um duvidoso método de terapia, que inclui xingar as outras jovens e dedurar as infrações alheias para ganhar a liberdade. 

Sem saber em quem confiar e determinada a não cooperar com os conselheiros, Brit se isola. Mas não fica sozinha por muito tempo. Logo outras garotas se unem a ela na resistência àquele modo de vida hostil. V, Bebe, Martha e Cassie se tornam seu oásis em meio ao deserto de opressão. 

Juntas, as cinco amigas vão em busca de uma forma de desafiar o sistema, mostrar ao mundo que não têm nada de desajustadas e dar fim ao suplício de viver numa instituição que as enlouquece.

Brit é uma garota normal de 16 anos. Isso o que ela pensa, pelo menos.

Suas convicções caem por terra quando seu pai a interna num "centro de reabilitação" para jovens garotas desviadas.

Sem entender como parou ali e descontente com o tratamento que ela e as outras garotas recebem, ela decide colocar tudo a baixo e mostrar para o mundo as barbáries que acontecem dentro daquela instituição.       
Fui jogada numa saleta abafada e a porta foi trancada. Soluçando, esperei que papai caísse na real, visse a grande besteira que estava fazendo e viesse me buscar. Mas não foi isso que aconteceu. Ouvi-o conversando com uma mulher e depois o barulho do nosso carro indo embora. Comecei a gritar de novo, o rosto ensopado de lágrimas, ranho e saliva. Berrei muito, mas ninguém apareceu. Então continuei chorando, até que não havia mais nada a fazer senão dormir."

O que há de estranho em mim estava na minha estante há algum tempo. Meu receio em lê-lo se dava pelas outras experiências negativas com os livros da autora, mas desta vez foi diferente. 

Num primeiro momento, pensei que ela trataria das mudanças e emoções adolescentes, mas se pode perceber que o intuito da autora é bem mais profundo. Gayle faz uma dura crítica ao sistema de tratamento mental, mostrando o abuso e o descaso que os pacientes são tratados. Mais um típico caso de ganância, pela busca de dinheiro.

O pai de Brit acredita que a filha tem um comportamento estranho, quase doentio. Seu medo vem do fato de que a mãe dela sofre de problemas mentais e estes podem passar para as futuras gerações.Acreditando que está fazendo o melhor, ele a interna na Red Rock, uma clínica que se passa por especialista e com renomados profissionais, que cuidam de adolescentes desviadas do comum.

Além do suposto problema mental de Brit, Gayle trata dos fatos que levaram outras garotas a serem internadas ali também. Achei a forma como ela abordou esses assuntos bem interessante. Pais que internam as filhas acreditando que gostar de outras garotas ou estar um pouco acima do peso, ou ainda gostar de sexo é, de certa forma uma doença.

O que cada uma de nós havia feito para estar ali? Cassie gostava de meninas mais do que achavam que deveria. Bebe gostava de meninos mais do que deveria. V pensava na morte mais do que deveria. E eu? Por que é que estava ali? Porque era mais parecida com a minha mãe do que deveria? Porque assustava meu pai mais do que deveria?

Mesmo não se tornando um dos meus livros favoritos, ele me surpreendeu. Gayle foi genial em sua escrita. Tratou de pré-conceitos e preconceitos de uma maneira genial.

Este livro é um alerta para os pais que acreditam que seus filhos estão/são doentes por não se encaixarem no que é considerado "Padrão". Não, eles não estão. Essa mania de se personificar em pessoas distintas, uma obrigatoriedade em ser, é que faz mal. Como impor um mesmo comportamento, o mesmo gosto a várias pessoas se ninguém é igual a ninguém?

Precisamos entender que o padrão é relativo. Se você pensa que seu filho ou filha, ou qualquer outra pessoa, não esteja bem mentalmente, converse com ele. Pesquise sobre o assunto. Suas atitudes podem acabar tornando uma pessoa saudável, doente.

Em caso de dúvida, lembre-se da canção: "Seja você, mesmo que seja estranho. Seja você, mesmo que seja bizarro."

 É que a gente acha que a loucura e a sanidade ficam em lados opostos de um oceano, mas na verdade não passam de duas ilhas vizinhas

O que há de estranho em mim é minha quarta e última leitura da #Maio2016ML. Uma ótima indicação para você que acha que não se enquadra nos padrões impostos na sociedade. Boa leitura.

Mil Beijos
*~


Limiar - Jessica Warman

Título: Limiar
Título Originar: Limiar
Autor: Jessica Warman
Editora: Galera Record
Nº de páginas: 392


Sinopse: Liz Valchar sempre teve tudo o que poderia desejar. Dinheiro, beleza, um namorado perfeito e, agora, uma festa de aniversário no iate particular, na companhia de seus cinco melhores amigos. Mas quando ela acorda no dia seguinte, percebe algo errado. Boiando na água, bem ali, entre o barco e o cais, está o corpo de uma adolescente. Ao observar melhor, Liz percebe horrorizada, que aquele é o seu corpo. E que ela está morta. A única companhia dela é Alex, um menino que morreu um ano antes em um acidente de carro. Juntos, tentarão solucionar o mistério da morte dela, reconstruindo seus últimos dias de vida.

Para começar já digo de cara que tenho uma relação especial com este livro, foi amor a primeira vista (no caso primeira capa).

No ano de 2013, em uma das minhas buscas por novos livros, vi o Título Limiar como lançamento e logo de cara a capa do livro me encantou, e a sinopse me aguçou ainda mais a querer comprá-lo.

Liz Valchar é a típica garota americana, linda, popular, líder de seu grupo, rica e mimada.

Como de costume seus aniversários são sempre comemorados.

No seu 18° aniversário ela da uma festa no iate da família com todos os seus amigos, namorado Richie e sua irmã postiça Josie que também é sua melhor amiga.

Depois de muitas bebedeiras, Liz acorda estranha e percebe que há algo boiando na água, até que ela reconhece a vestimenta do corpo que boia ali, então ela percebe que o corpo é seu, Liz se da conta de que está morta.

Entrando neste mundo paralelo do real, Liz busca a verdade por trás de sua morte e para isso ela contará com a ajuda de Alex um garoto da escola que morreu em um acidente pouco tempo antes de sua morte.

Alex e Liz não entendem o que une os dois neste mundo "fantasmagórico", mas juntos tentarão solucionar o mistério da morte de Liz e consequentemente ficarão mais próximos um do outro, já que quando vivos Liz o esnobava e o ridicularizava.

Como ambos estãomortos e presos neste Limiar da morte, eles conseguem reviver algumas memórias de Liz e assistir a vida de seus amigos no plano real.

Liz no decorrer da história, percebe que nem todos que ela conhece são como ela imaginava ser, vai perceber que ela também escondia um grande segredo do qual ela não consegue recordar, vai descobrir quem são seus amigos, o que tanto afligia seu namorado, se ela podia realmente confiar em todos de sua família e descobrirá que Alex também precisa de ajuda para solucionar a morte dele.

Este livro reúne em quase 400 páginas segredos, morte, sobrenatural, romance e drama, a autora foi bastante radical em tentar reunir todos esses temas em um único livro, foi tão radical que deu muito certo.
Na certa se você esconde um segredo conseguirá se identificar com Liz, assim como aquele que está vivendo um romance ou desconfia de seus amigos.

Você sentirá pena, raiva da personagem já que serão apresentados dois lados de Liz Valchar.

Foi bastante interessante ver Liz assistindo como era sua vida, aos poucos a personagem vai modificando seus sentimentos e transformando sua alma, ela perceberá que sua vida não era exatamente como ela imaginava.

Se eu fizer um ranking dos 5 melhores livros que já li na minha vida Limiar estaria presente assim como no ranking dos dois melhores livros. 

Não é nem de longe comparado a estórias clichês, vai prender o leitor do início ao fim pois contém muitos mistérios e todos muito bem solucionados.
Super recomendo a leitura deste livro, um dos melhores


Bjs
Bianca Gonçalves





No Seu Olhar - Nicholas Sparks




























Livro: No Seu Olhar
Autor: Nicholas Sparks
ISBN-13:9788580415445
ISBN-10: 8580415446
Ano: 2016 / Páginas: 432
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
Nota: 


Sinopse: Filha de imigrantes mexicanos, Maria Sanchez é uma advogada inteligente, bonita e bem-sucedida que aprendeu cedo o valor do trabalho duro e de uma rotina regrada. Porém um trauma a faz questionar tudo em que acreditava e voltar para sua cidade natal, a pequena Wilmington. 

A cidade também é o lugar que Colin Hancock escolheu para se dar uma segunda chance. Apesar de jovem, ele sofreu mais violência e abandono do que a maioria das pessoas. Também cometeu sua parcela de erro e magoou mais gente do que gostaria. Agora está determinado a mudar de vida, tornar-se professor e dar às crianças o carinho e a atenção que ele próprio não teve. 

Colin e Maria não foram feitos um para o outro, mas um encontro casual durante uma tempestade mudará o rumo de suas histórias. Ao confrontar as diferenças entre os dois, eles questionarão as próprias convicções. E ao enxergar além das aparências, redescobrirão a capacidade de amar. 
Porém, nessa frágil busca por um recomeço, o relacionamento deles é ameaçado por uma série de incidentes suspeitos que reaviva antigos sofrimentos. E quando um perigo real começa a se impor, Colin e Maria precisam lutar para que o amor sobreviva.
Com uma trama madura e repleta de emoções e de suspense, No Seu Olhar mostra que o amor às vezes é forjado em crises que ameaçam nos destruir e que o primeiro passo para a felicidade é acreditar em quem podemos ser.

Você vai saber qual é a sensação.

Colin é um homem que está tentando corrigir os erros do seu passado. Ele foi uma criança e adolescente considerado problema. Sofreu durante anos acreditando ser o problema. Hoje, ele está trabalhando e cursando a faculdade para ser professor, na esperança de conseguir ajudar as crianças que passam pelo que ele passou.

Maria é uma jovem advogada que está buscando seu espaço. Ela sempre foi a garota nerd que gostava de estudar. Sempre andou na linha e como advogada e ex empregada da promotoria, Maria procura se manter longe de caras que pareçam problema.Tudo muda quando ela conhece Colin. O homem forte e tatuado que cheira a problema.

Ela tenta lutar contra o sentimento que surge entre os dois, mas resistir é impossível. Maria se vê completamente apaixonada pelo lutador de MMA, que tenta manter sua fúria sob controle.

A iminente história de amor dos dois corre sério risco. Maria percebe que integrantes de um caso em que atuou no passado, voltam para buscar vingança, podendo acabar com a felicidade que está sentindo agora.

- Antes de você aparecer, eu tinha Evan e Lily, e achava que isso era o bastante. Mas não é. Não mais. Desde a semana passada. Estar com você faz com que eu me sinta vulnerável de novo, e não me sinto vulnerável desde que era um moleque. Não posso dizer que sempre gosto disso, mas a alternativa seria pior,porque significaria não vê-la outra vez. 

Tenho um sério caso de amor e ódio eterno por Nicholas Sparks. 

Sou apaixonada pelos livros dele, entretanto, o começo é sempre bem difícil para mim. A questão de todos os livros terem a mesma premissa (casal passa por vários perrengues, se separam por anos, mas depois sempre acabam juntos) me cansa antes mesmo de começar a ler, mas o final, sempre compensa.

Com esse livro, foi um pouco diferente. O clima de tensão e ação se mostra mais presente do que o romance em si. Fiquei bem surpresa com isso, já que chorei em todas as obras que li do autor, mas ler um livro do tio Nick,  em que o enredo não gira 100%  em cima de romance, foi um pouco estranho. 

Por mais que tenha gostado da variação na escrita, com as cenas de ação e suspense, não foi nem de longe o melhor livro que li de Sparks. 

O livro é super bem escrito, bem detalhado e com uma história ótima, mas acredito que ele poderia ter explorado um pouco mais o final. Poderia ter me feito chorar um pouquinho, só para não perder o costume,

Se você nunca leu um livro do Nicholas, por achar meloso demais, No seu olhar é uma boa pedida, mas se você gosta dele exatamente por esse motivo, esse não é o livro.

Não me entendam mal! Eu gostei do livro sim, mas, se tratando de Nicholas Sparks, eu esperava um pouco mais. Ele continua sendo meu autor de romances preferido, sem sombra de dúvidas, porém, No seu olhar não entra no ranking de favoritos.

No seu olhar foi o primeiro livro que resenho em parceria com a #EditoraArqueiro. Foi um imenso prazer. Espero que gostem!

Mil beijos
*~ 

Simon vs. a agenda Homo Sapiens - Becky Albertalli



Livro: Simon vs. a agenda Homo Sapiens
Autora: Becky Albertalli
ISBN-13: 9788580578928
ISBN-10: 8580578922
Ano: 2016 / Páginas: 272
Idioma: português 
Editora: Intrínseca
Nota: 
Li a sinopse do livro há algum tempo, e desde então queria lê-lo. Estava super curiosa para saber como a autora iria retratar os personagens e, principalmente, suas reações.Você já ouviu aquela expressão "Dar um tapa com luva de pelica"? Pois é. Nesse livro, Becky conseguiu demostrar a superação e diversidade de uma maneira leve, bem humorada e com muito amor, àqueles que são cegos e preconceituosos.Se engana quem pensa que o livro é sobre um garoto gay, ele é bem mais do que isso, é um livro sobre amor! Quer coisa mais bonita?Antes de entrar no mérito da homossexualidade, gostaria de fazer um aspas e comentar com vocês sobre como a autora veio para quebrar padrões. Sabe a garota alvo de Martin, o colega chantagista de Simon? Então, ela é uma linda garota negra.Posso estar errada, mas para mim, isso foi intencional. Ela conseguiu "matar dois coelhos com uma cajadada só", ao escrever um livro com o protagonista gay e com uma personagem que aborda a questão racial, situações que em pleno século XXI, ainda são alvos de preconceito.Essa diferença no que é considerado "padrão", ganhou meu coração, mas não só isso. Sou uma romântica literária incurável e o clima de romance é predominante neste livro.Com relação a Simon, ele pode ser considerado como uma exceção. Ele sabe sobre sua opção sexual, seus pais não surtaram ao descobrir e os amigos não se afastaram dele. Sim, me dói o coração dizer que ele é uma exceção, mas a questão não é essa.Nestes tempos de intolerância e preconceito, Becky consegue tratar de assuntos tão discutidos de maneira delicada e sincera. Ela escreveu com maestria uma romance que quebra o que é considerado padrão, mostrando que o mais importante de tudo, é o amor.Essa foi minha terceira leitura da #Maio2016ML. Um romance lindo e suave, que todos deveriam ler.
Mil beijos *~

Perdida - Carina Rissi

Livro: Perdida - Um amor que ultrapassa as barreiras do tempo - Perdida # 1Autora: Carina Rissi
ISBN-13: 9788576862444



Sinopse: Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz. Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam. Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa ou se isso sequer é possível. Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke. Com a ajuda do prestativo e lindo Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos... 

Sofia Alonzo é uma mulher do século XXI. Independente e trabalhadora, ela não espera, corre atrás daquilo que almeja. 

Após a morte dos pais, ela teve que tomar as rédeas da própria vida. Dedica-se com todas as forças ao trabalho, esperando a tão sonhada promoção. 

São tantas tarefas que Sofia acaba deixando de lado o amor. Para ele, casamentos e amores eternos são falsos e não duram para sempre.

Esse pensamento acaba mudando após viajar no tempo e encontrar o Senhor Ian Clarke, um rapaz de 21 anos que vive em 1830.

Confusa sobre como foi parar lá e tentando descobrir como fará para voltar aos dias atuais, Sofia se vê apaixonada por Ian. Entretanto, reluta em aceitar tal sentimento. Para ela, que nunca acreditou no amor verdadeiro e com esperanças de voltar para sua vida, a melhor opção é não se entregar a tal paixão.

Seu jeito "diferente" de se comportar, falar e viver, acaba colocando Sofia em algumas saias justas, mas sempre tem Ian ou Elisa, irmã do Senhor Clarke, para ajudá-la a contornar a situação.

Tentar se ajustar aos costumes de dois séculos atrás ao mesmo tempo em que precisa descobrir como voltar para casa e não magoar Ian, acaba deixando Sofia realmente perdida e com o coração na mão. 

Teria ela coragem de voltar e deixar o amor de sua vida a dois séculos de distância? Trocaria sua vida no século XXI pelo verdadeiro amor? 

Por que, quando ele disse que meu lugar era ali, ao menos naquele momento...parte de mim acreditou nele.
Se pudesse resumir Perdida em uma palavra, seria surpresa. 

Sempre vi na internet milhares de seguidores afoitos, fazendo apologia a história, mas depois que li a sinopse, fiquei com um pé atrás.

Eu não gosto de romances de época. Nunca consegui engatar em um, mesmo querendo com todas as minhas forças. 

Vi na Maratona Literária uma oportunidade para lê-lo. Moral da história? Ainda bem que não desisti dele!

A maior parte do cenário se passa no século XIX? Sim. Sofia me irritou horrores não fazendo nenhum esforço para se encaixar? Sim. Isso me fez gostar menos do livro? Talvez sim, talvez não. O que não posso negar é como me apaixonei por Ian Clarke e seu charme.

Não estou de brincadeira. Até eu embarcaria numa máquina do tempo para encontrar meu Ian. 

A química e a ternura que envolve esses dois é linda. Um amor puro e verdadeiro que rompe as barreiras do tempo e o coração de gelo da senhorita Alonzo (e o meu também!)

Só para não perder o costume, meus olhos chegaram a marejar no final do livro. Pobre Ian.

Ainda bem que o mundo gira e coloca tudo no lugar, não é? Só posso dizer que se é verdadeiro, nada pode separar.

Louca para ler os próximos livros (que descobri que totalizam 6!!!) e saber o que o futuro ou o passado guarda para esse casal.

Essa foi minha segunda leitura da #Maio2016ML.

Até a próxima!

Mil beijos,
Caroline.
*~




































Érica - Larissa Barros Leal

Livro: Érica
Sinopse: Moscou. Dois jovens sobrevivem a um duplo atentado que mata quase todos os seus amigos. Cairo. Uma ONG islâmica tenta escapar de uma armadilha, arquitetada por integrantes da Ordem das Doze Tribos de Israel. Washington. Na sede da Ordem, a filha de um funcionário da Casa Branca cai em ciladas para que seu pai colabore com os radicais. Pequim. Um filho procura o pai, há meses desaparecido. Fortaleza. Em uma triste manhã, Érica encontra seus pais mortos... Nessa incrível trama, todas essas histórias se entrelaçam de forma impressionante. E somente Érica, que acaba de descobrir que foi incluída em uma lista negra da Ordem das Doze Tribos de Israel, poderá impedir uma grande desgraça planejada por judeus fundamentalistas, prestes a atingir a todos.